Mesa de Frios Juiz de Fora, Minas Gerais

Esta página disponibiliza matérias sobre como os donos de buffets devem definir o valor cobrado por seus serviços e uma lista de empresas e profissionais liberais que atuam nessa área na cidade de Juiz de Fora. Veja abaixo a lista de empresas e profissionais liberais da região de Juiz de Fora e esclareça suas dúvidas sobre os fatores que devem ser levados em consideração na hora de fazer a precificação.

dalma buffet
(32) 3216-5353
r guadamalajara, 6 aeroporto
Juiz de Fora, Minas Gerais

Dados Divulgados por
essain buffet ernestina
(32) 3211-6120
r s geraldo, 227 costa carvalho
Juiz de Fora, Minas Gerais

Dados Divulgados por
casablanca buffet
(32) 3215-6563
r cossete alencar, 95 ap 404 jd gloria
Juiz de Fora, Minas Gerais

Dados Divulgados por
buffet caroline
(32) 3232-8158
av independencia, 2495 são mateus
Juiz de Fora, Minas Gerais

Dados Divulgados por
La Fiesta
(31) 3824-7532
r Jequitiba, 958, Horto
Ipatinga, Minas Gerais

Dados Divulgados por
buffet espaço verde
(32) 3233-0180
r marcasistas, 236 marilandia
Juiz de Fora, Minas Gerais

Dados Divulgados por
buffet renata
(32) 3236-3841
av olegario maciel, 1615 paineiras
Juiz de Fora, Minas Gerais

Dados Divulgados por
especial buffet
(32) 3236-1135
r severiano sarmento, 105 passos
Juiz de Fora, Minas Gerais

Dados Divulgados por
Buffet Sandra Mara
(31) 3466-1767
r Conceição para, 648 Santa Inês
Belo Horizonte, Minas Gerais

Dados Divulgados por
Organizações Adler Ltda
(31) 3278-2091
r Passos, 207, Regina
Belo Horizonte, Minas Gerais

Dados Divulgados por
Dados Divulgados por

Como cobrar por uma mesa de frios ou serviços de buffet

mesadefrios1

Estou escrevendo esse post porque muita gente entra em contato perguntando como pode cobrar por um serviço de buffet para evento ou por uma mesa de frios. Parece que a dúvida é frequente!

Gente, eu não posso dar valores!! Cada cidade do país tem um custo de vida diferente, as pessoas têm conhecimento e experiência variados e necessidades distintas, um bom lucro para mim pode ser pouco para você e vice-versa. Eu também não posso lhe dizer cobre R$ X! Provavelmente o valor que eu cobro é mais alto do que você poderia cobrar porque eu estou nesse mercado faz muitos anos e já sou conhecida, e sinceramente eu me valorizo!


Abaixo fiz um pequeno guia com dicas para você chegar ao SEU valor.

1 - Custo

É o mais simportante de tudo! Saber calcular o quanto você vai gastar para fazer um buffet é a base para formular o preço de venda. Pegue um papel e caneta e anote todos os itens de comida e bebida que você vai comprar; o valor de ajudantes, garçons, etc; gelo; o material que vai alugar/comprar; gastos com gás, luz, telefone, estacionamento, material de limpeza, gasolina e/ou transporte, etc. Some absolutamente tudo o que você vai gastar para fazer o evento. É sua primeira festa e você não sabe o quanto cada coisa vai custar? Faça uma estimativa, sempre com folga, vá ao mercado e anote os preço ou pesquise pela internet.

Mas e se você for cobrar somente pela mão de obra? Tenha certeza de que a cliente vai pagar tudo mesmo. E seu transporte de ida e volta para o local? Se você for pagar ele é custo.

2 - Margem de lucro

Estipule o percentual do seu lucro. Eu costumo usar a fórmula 100% de custo + 100 % = valor de venda, para isso basta dobrar seu custo que você terá um valor para venda. Mas a escolha é sua, se o evento for grande como para 200 ou mais pessoas você pode cobrar um percentual menor porque você ganha no volume. Quem escolhe o percentual é você.

3 - Valor dos concorrentes

Agora que você já sabe seu custo, pesquise o preço dos seus concorrentes. Entre em contato com os buffets de sua cidade que oferecem um serviço similar ao seu para saber o orçamento deles. Dessa forma você tem uma ideia do valor de mercado, para que seu preço não seja nenhum absurdo. Ele pode ser bem maior caso você tenha muita experiência e/ou seja famosa e pode ser um pouco menor caso você esteja começando. Mas se é seu primeiro evento você não deve cobrar mais que o melhor buffet da cidade, correto?

4 - Compensação

Analise se o valor que você quer cobrar pode ser pago pelos seus clientes em potencial. Não adianta cobrar X se não tem quem pague, correto?
Analise se o valor do seu lucro é suficiente para você. Não adianta prestar um serviço e ficar reclamando que ganhou pouco!
Ajuste seu preço de venda se necessário.

5 - E se eu for cobrar somente pela mão de obra para montar uma mesa de frios/de doces, etc?

Eu não trabalho dessa forma, e como já falei antes não posso lhe dar um preço! Mas pense comigo: como disse acima deve ser um...

Clique aqui para ler este artigo em Mesa de Frios